PEIXADA GOIANA DA MINHA MÃE

                                                                  Por Larissa Januário 
Esta receita é um clássicos da minha mãe. Quando eu saí de casa para estudar, virou um clássico das repúblicas pelas quais passei. Isso porque é o preparo de peixe mais fácil do mundo, mas tem uma cara de pratão festivo, daqueles farturentos e suculentos. Além de ser absurdamente rápido: você só tem que comprar o peixe e picar os vegetais todos em rodelas de quase 1cm.
Parece uma moqueca, mas não é. Não leva dendê, nem leite de coco e às vezes, minha mãe incluía batata doce, ou da normal. Vale até batata salsa, a famigerada mandioquinha. Eu tirei esse carboidrato extra porque já ia comer com farinha (adoro fazer aquele pirãozinho no prato com o caldinho).
INGREDIENTES (PARA 4 PESSOAS)
1 pimentão vermelho
1 pimentão amarelo
1 cebola grande
3 tomates maduros e  firmes
3 dentes de alho
3 pimentas de cheiro
1kg de pescada (ou qualquer outro peixe indicado para ensopado, sem espinho) em postas
400g de camarão limpo
1/2 litro de caldo de peixe (se não tiver use água)
1 fio de azeite
Cheiro verde a gosto
Sal a gosto
1 colher de sopa de extrato de tomate

MODO DE PREPARO
Corte todos os legumes em rodelas de cerva de 1 cm. Aqueça uma caçarola larga com 1 fio de azeite. Forre com as rodelas de cebola e deixe fritar alguns minutos, mantendo o fogo alto. Coloque as lâminas de alho, os pimentões e os tomates.
Tempere com sal, pimenta-do-reino e cheiro verde. Coloque o caldo de peixe ou a água (pouco, porque os legumes soltarão água). Tampe e deixe cozinhar por uns 10 minutos. Depois coloque o extrato, e misture delicadamente. Ele deve engrossar o caldo.
Tempere o peixe e os camarões com sal e pimenta-do-reino.
Disponha as postas de peixe na panela sobre o caldo e deixe cozinhar por uns 10 minutos.  Depois junte os camões e afunde-os no molho. Deixe no fogo até que os camarões mudem de cor. Coloque as pimentas de cheiro fatiadas.
Desligue o fogo e tampe.  Finalize com cheiro verde e se quiser mais pimenta. Sirva com arroz branco e farofinha de mandioca.

Fonte: sem medida

Nenhum comentário: